Fale Conosco

5 Principais erros cometidos em uma landing page

   16 Maio, 2016 / por Ana Luiza Cunha

|
|
5 PRINCIPAIS ERROS COMETIDOS EM UMA LANDING PAGE

Uma das grandes preocupações que profissionais de marketing digital devem ter quando estão desenvolvendo uma campanha de links patrocinados é o desenvolvimento de uma boa landing page .

A landing page de uma campanha de PPC deve ser uma resposta direta ao que o consumidor está procurando. O conteúdo precisa estar diretamente relacionado com o que a pessoa digitou, deve ser bem elaborado de forma a responder as questões típicas, argumentar sobre os benefícios, reduzir os impactos das possíveis objeções e levá-la a confiar e converter.


Apesar da importância da Landing Page para uma campanha de links patrocinados, ainda nos deparamos com alguns erros graves em Landing Pages desenvolvidas tanto por empresas, quanto por agências. Conheça alguns deles e fuja dos erros:

5 Principais erros cometidos em uma landing page

1. Não diversificar Landing Pages conforme os anúncios

Para qual landing page o anúncio vai levar o usuário? Está genérica, atendendo a vários tipos de anúncio? Não faça isso. Seja específico! A landing page de uma campanha de PPC deve ser uma resposta direta ao que o consumidor está procurando. Se a pessoa pesquisou por “marcador roxo japonês” no Google, ela não pode ser direcionada para a página inicial da empresa, onde ela mesma terá que procurar pelo produto. Ela deve ser levada diretamente para a página daquilo que procura, pois isso aumenta as chances de realização da  venda.

Ou seja, , as landing pages precisam de um foco. Elas não podem ser para inúmeras coisas, devem mostrar apenas o que foi anunciado.

 

2. Landing Pages contendo rotas de fuga

Não distraia o seu potencial consumidor no futuro. Conduza para o caminho da conversão. Você pagou por essa captação então você quer que a pessoa que chegou até a sua landing page permaneça ali até que tome a ação desejada que pode ser preencher um formulário de contato ou realizar uma compra.

Quando a Landing Page tem o objetivo de obter um lead, você quer que ela deixe seus dados de contato e receba alguma oferta em troca. Nesse caso, por exemplo, você precisa tomar esses cuidados que são rotas de fuga:

  • Suprima a barra de navegação do menu;
  • Retire os links para as Redes Sociais;
  • Não inclua uma chamada (CTA ou call to action) para uma segunda oferta;
  • Não inclua links para outras páginas.

No caso de ecommerce, a landing page para a qual o consumidor é direcionado é a página do produto. No exemplo do marcador roxo japonês, serão utilizados botões do tipo “compre aqui” ou "adicione ao carrinho", mas sempre com a mesma ideia de conduzir para a compra e não oferecendo outras opções como “baixe um pdf sobre marcadores”.

É quanto ao objetivo central da landing page que devemos estar atentos e assim evitar as rotas de fuga.

Leia também: 4 razões para contratar uma agência de Links Patrocinados

 

3. Landing Page  não otimizada para mobile

Considerando que grande parte das buscas atuais são realizadas em aparelhos mobile, não otimizar uma página para aparecer bem formatada nestes tipos de dispositivos torna-se quase um suicídio para uma campanha de marketing digital.

 

4. Uso de Image Slider

Da mesma forma que o item acima menciona que as pessoas podem se perder, os image sliders podem até ser bonitos e permitirem a demonstração de muitas coisas para o cliente, mas eles tendem a ser ignorados e diminuem a taxa de rate.

Saiba mais: Estratégias de marketing digital para negócios locais

 

5. Landing Page sem qualidade, não convincente ou com pouca informação

Não se preocupe em ser sucinto. Não é preciso ocupar exclusivamente a parte acima da barra de rolagem. Foque em seu consumidor e em prestar um serviço para ele, deixando-o tranquilo, confiante de que esse é o caminho que ele precisava tomar.

 

Conduzir para o Caminho da Conversão é o que importa!

Sendo assim, quando uma campanha for criada ela deve levar em consideração como será a Landing Page. Não apenas o design, deve-se ter certeza de que aquela página terá a resposta para o que o usuário está buscando. Além disso, deve ser analisada a sua taxa de conversão, a posição dos CTA’s e deve estar otimizada e focada para um assunto específico.


Análise de campanha


Assinatura

Sobre o autor:
Ana Luiza Cunha Consultora de Marketing Digital WSI Consultoria

Experiência em Gestão de Projetos de TI, ingressou em Marketing Digital em 2009, tendo se especializado em Inbound Marketing e SEO (Otimização de Sites), sempre com a intenção de entregar os melhores resultados para seus clientes.

linkedin.pngfacebook-1.pngtwitter.png email: [email protected] 

Tópicos: PPC

-->
Excel ROI

Posts Recentes

Newsletter