Fale Conosco

Assuntos de e-mail, taxa de abertura e cliques: está tudo conectado!

   08 Agosto, 2014 / por WSI Consultoria

|
|
ASSUNTOS DE E MAIL TAXA DE ABERTURA E CLIQUES ESTA TUDO CONECTADO

A WSI, sendo uma rede com escritórios em mais de 80 países, promove uma troca de experiências entre as franquias de forma a ajudar os resultados de todas as outras companheiras de rede.

Desta vez, a Lyana San Pedro da WSI World postou um artigo sobre os resultados de suas campanhas internas de marketing digital que decidimos traduzir aqui para você também se beneficiar deste know-how da WSI (Veja o original em inglês aqui ).

Primeiramente, o que devemos aprender para podermos falar de campanhas de e-mail marketing bem sucedidas é que devemos considerar fatores importantes como sua indústria e o seu público ao determinarmos o que é uma boa taxa de abertura, cliques e bounce (taxa que demonstra a porcentagem de e-mail que não recebeu seu e-mail e foi devolvido pelo servidor). Isso significa que estas taxas variam muito de setor para setor e por isso é mais significativo comparar suas próprias estatísticas ao longo do tempo do que comparar com outras empresas.

Aqui estão alguns pontos que aprendemos (e ainda estamos aprendendo) de uma campanha de e-mail marketing em curso:

1- Preste atenção na taxa de bounce

Nós já aperfeiçoamos a lista desta campanha uma boa quantidade de vezes este ano, e estamos acompanhando de perto o número de e-mail que são devolvidos. Uma alta taxa de retorno significa que a lista é antiga e ultrapassada, porém as pessoas estão sempre mudando de e-mail, o que prova a necessidade de estar sempre atento a esta estatística.

Bounces01

Bounces02

Como você pode ver, chegamos a ter mais de 2200 endereços na nossa lista com alta taxa de retorno, o que indica que tínhamos informações antigas. Então regulamos nossos números e acabamos ficando com cerca de 750 endereços.

Chegamos a conclusão de que é melhor enviarmos e-mail para 5 pessoas que o querem do que 105 pessoas que não se importam o suficiente para assinar sua lista quando mudam de endereço eletrônico. Não há mal nenhum em ter uma lista menor, porque isso indica que está atingindo pessoas que se interessam.

2- Os títulos ajudam a alavancar suas taxas!

Você já ouviu isso antes: títulos fazem uma enorme diferença. Quer se trate de blogs, tweets, e-mails ou meta-tags, títulos e títulos são super importantes. O que está sendo usado como o "gancho" deve ser tido com um fator de maior relevância. Embora temos um pequeno tamanho de amostra – apenas 27 e-mails – foi o suficiente para notar certa tendência com as taxas de abertura de nossos e-mails baseados em suas manchetes.

Os e-mails com uma pergunta no título foram abertos, em média, 6% a mais do que a média total de todos os 27 e-mails abertos. Não foi apenas um e-mail, mas todos os quatro que continham uma pergunta tiveram uma taxa de abertura maior do que a nossa taxa de abertura média.

OpeRate

Agora, não vamos enlouquecer e colocar uma pergunta no título de cada e-mail que enviamos. Mas é bom saber que estamos fazendo algo que parece estar funcionando. Vamos continuar a monitorar a situação e fazer as mudanças e ajustes, se necessário, o que na verdade é o que medição e métricas realmente significa (e você deve fazer o mesmo!).

3- Não há nada melhor que conteúdo

Ao longo dos 27 e-mails que falamos, nós medimos os dois tops itens geradores de clique de cada e-mail. Descobrimos que em 13 desses e-mails - cerca de metade - um dos tops dois mais clicados foi algo da nossa própria estratégia de conteúdo. Seis vezes era um dos nossos infográficos, três vezes que foi a nossa série de vídeos, o nosso Inside Edge Newslettler foi o top clicks duas vezes, enquanto nossos guias de marketing e whitepapers foram os tops cliques uma vez cada.

EmailStats_General

Além de reforçar os esforços e consumo de nosso conteúdo, os resultados desta campanha de e-mail também estão nos mostrando o quão bem se integra e-mail marketing e melhora nossos outros esforços digitais. Estamos percebendo que o e-mail pode ser uma ótima maneira de medir a sua estratégia digital em um meio mais direto do que a mídia social ou mesmo o seu blog. Assinantes da sua lista são as pessoas que querem ouvir você, não importa o que, por isso, quando o seu público-mail se envolve com certos tipos de conteúdo, você deve tomar nota.

4- Não espere por milagres!

Não há mágica quando se trata de e-mail marketing, é entre você e seu público. É preciso iniciar o envio de e-mails experimentando seus títulos e conteúdo, medindo o tempo todo os resultados. Depois de alguns meses, reavaliar o que está funcionando, ajustar a sua lista e começar a aperfeiçoar os componentes que conduzem ao sucesso.

Esperamos que essa pequena análise em nossa campanha de e-mail te forneça insights criativos! Se você tiver dúvidas, não hesite em nos twittar ou deixe um comentário!

Tópicos: Search Marketing